News & Announcements

05/11/2012: Embaixador Alberto Ribeiro no evento de celebração da língua portuguesa

Embaixador Alberto Ribeiro no evento de celebração da língua portuguesa
Washington - O embaixador extraordinário e plenipotenciário de Angola nos EUA, Alberto Ribeiro, participou sexta-feira, num evento de celebração da língua portuguesa e culturas do mundo lusófono, em Washington.
Organizado pelo Departamento de Língua Portuguesa e Culturas Lusófonas da Universidade norte-americana George Washington, o evento, que teve como convidado de honra o diplomata angolano, enalteceu a poesia e prosa dos países de expressão portuguesa nos continentes Africano, Americano e Asiático.
Como principal orador do evento, o embaixador Alberto Ribeiro congratulou a iniciativa e enfatizou a importância de programas do género para o incentivo da aprendizagem da língua portuguesa e promoção, na sociedade dos EUA,
da cultura desses países.
“Estou certo de que os estudantes que fizeram a opção de participar neste programa, beneficiarão em larga medida da aprendizagem de mais uma língua que vai, obviamente, aumentar os seus conhecimentos e sobretudo facilitar o contacto com o mundo lusófono, que tem uma cultura muito rica” - disse.
No que diz respeito ao tema do evento, o embaixador Angolano nos EUA realçou a contribuição de homens, mulheres e jovens, com destaque ao "Poeta Maior da Nação", António Agostinho Neto, primeiro presidente da República de Angola.
“Podemos encontrar na sua poesia, a sua profunda inspiração para a liberdade do povo Angolano e Africano em geral” - enfatizou o diplomata Angolano, mencionando a possibilidade de futuras parcerias entre as instituições
do ensino superior de Angola e dos Estados Unidos da América.
O programa da Universidade norte-americana George Washington foi reactivado em Novembro de 2011 e conta com mais de uma centena de estudantes.
Durante a cerimónia, os estudantes, expressando-se em língua portuguesa, tiveram a oportunidade de apresentar os trabalhos feitos por si, declamando obras poéticas de autores de países, destacando-se Angola (António Agostinho Neto e António Jacinto), S. Tomé e Príncipe, Cabo-Verde, Guiné-Bissau, Brasil, Portugal, Timor-Leste, Macau e Goa.
Participaram no evento, diplomatas angolanos e dos países de expressão portuguesa em Washington, estudantes, professores e outros convidados.