News & Announcements

13/06/2012: Novo presidente da CNE inicia funções

Novo presidente da CNE inicia funções

Luanda - O novo presidente da Comissão Nacional Eleitoral, André da Silva Neto, está pronto para continuar o processo de preparação da eleições gerais de Agosto, após investidura hoje, terça-feira, ao cargo.

André Neto da Silva foi empossado pelo primeiro-vice-presidente da Assembleia Nacional, João Lourenço, durante a X Sessão Plenária Ordinária do hemiciclo, convocada para o efeito.

Após jurar empenho e abnegação no cumprimento das suas funções e respeito à Constituição, o  presidente da CNE disse, em declarações à imprensa, ter plena consciência da difícil responsabilidade que vai assumir.

Questionado sobre o seu programa de trabalho, referiu que primeiro vai tomar contacto com o processo para documentar-se sobre o seu estado actual, para depois definir as linhas de actuação que, entretanto, não deverão fugir do programado pelo órgão, durante a exercício da sua antecessora, Suzana Inglês.

Mas, garantiu que vai se empenhar "de forma abnegada no exercício desta função com isenção, imparcialidade e justeza, para que no momento em que o povo angolano for à votação o faça com paz e consolidação da democracia".

Reconheceu que até as eleições tem pouco tempo para trabalhar, mas confia na sua experiência na área para, em 45 dias, pôr tudo "sobre os carris", e colocar todo o material programado para as eleições nos locais apropriados para que o processo decorra sem sobressaltos.

André Neto da Silva, que de seguida foi apresentado aos funcionários da CNE, assegurou que o orçamento existe e a aquisição do material para o pleito está em curso.

Na agenda da sessão plenária foram retirados os pontos relativos a apreciação e votação, dos Projectos de Resolução que aprovam a substituição de membros das Comissões Municipais Eleitorais, dos municípios de Ambaka e Bolongongo, província do Kwanza Norte, do município de Camanongue, província do Moxico e dos
municípios de Chitembo, Chinguar e Nharea, província do Bié, indicados pela UNITA.

André da Silva Neto é magistrado há 26 anos, tem 64 anos de idade e é juiz conselheiro do Tribunal Supremo. Exercia as funções na câmara cível e administrativo desde 1996 e já foi juiz presidente do Tribunal Provincial do
Uíge.