Press Release

01/05/2012: ANGOLA PARTICIPA NA CONFERÊNCIA ANUAL DE TECNOLOGIAS EM OFFSHORE



Houston, 30/04/12 -  Encontra-se desde a manhã de ontem, dia 29 de Abril de 2012, uma delegação Governamental angolana de alto nível, para participar na Conferência Anual de Tecnologias em Offshore (OTC), que vai decoorrer de 2 a 4 de Maio em Houston, Texas.

A delegação Angolana é chefiada pelo titular da pasta dos Petróleos, José Maria Botelho de Vasconcelos e integra o Embaixador Extraordinário e Plenipotenciário de Angola nos EUA, Alberto do Carmo Bento Ribeiro e a Cônsul
Geral de Angola em Houston, Júlia Machado.

Encontram-se igualmente na cidade de Houston, Estado norte-americano do Texas, quadros superiors do Ministério dos Petróleos,Chevron Angola, Sonangol, do Centro de Apoio Empresarial (CCIA), reprentantes
das companhias LMF, ASHEP United, Carlos e Osvaldo Engenharia e Consultoria LCF, o PCA da Petro-África, uma delegação da Câmara do Comércio EUA/Angola, para além de diplomatas em serviço na missão diplomática em Washington, D.C., e no Consulado de Houston.

Subordinado ao tema, “Conteúdo Local: Oportunidades para Parcerias, o evento empresarial, irá debruçar-s sobre o favorável ambiente de negócios que o nosso país oferece, com particular ênfase para o sector de energia e as oportunidaders do estabelecimento de parcerias publico-privadas.

No âmbito do seu programa, a Conferência anual de Tecnologia Offshore (OTC), onde participam países de
vários continentes, nomedamente, África, Europa, Ásia e Médio Oriente, realizou-se ontem ao cair da noite, um jantar de gala, no Centro de Convenções George R. Brown em Houston, com o objectivo principal de promover uma maior interacção entre os participantes e incrementar acções para angariamento de fundos.

A petrolífera Shell, foi distinguida pela “Pedido” a mais profunda plataforma de perfuração e produção de petróleo e gás do mundo, um projecto internacional, no Golfo do México, que foi o pioneiro de várias tecnologias em ultra-desenvolvimento e produção em águas profundas.

Hoje, segunda-feira dia 30, o destaque do programa vai para a realização de uma palestra sobre o Golfo da Guiné.

Aguarda-se a chegada do Ministro Angolano de Geologia, Minas e Indústria, Joaquim Duarte da Costa David, convidado a participar no certame.

À margem do simpósio, está igualmente prevista a chegada de uma delegação do Governo provincial de Luanda,
encabeçada pelo vice-governador para a organização administrativa, Graciano Domingos, para participar no evento de parcerias de cidades energéticas do mundo (WECP),  uma colaboração entre 13 “cidades energéticas” de todo o mundo.

A WECP é uma instituição legal ao abrigo da disposição corporativo não lucrativa 501(c) (6) do Texas,
sendo dirigida por um Presidente e Vice-Presidente eleitos, e apoiada por um gabinete do Secretariado, baseado em Houston. O Secretariado de Houston e a WECP em todo o mundo são apoiados pela Parceria de Grande Houston (em Inglês,Greater Houston Partnership).

A Parceria Grande Houston é o principal advogado da comunidade empresarial de Houston e é dedicada à
construção da prosperidade económica regional. Sobre o seu funcionamento, importa referir que as reuniões de Trabalho da WECP são agendadas para coincidir com as principais feiras comerciais do petróleo e gás em todo o
mundo, também utilizadas para alargar a rede de contactos da WECP, assistir empresas com oportunidades de desenvolvimento e promover a WECP como pioneira no desenvolvimento da indústria mundial de energia.

A instalação de um Consulado Geral na região sul dos Estados Unidos da América galvanizou uma relação privilegiada entre as cidades de Luanda e Houston, mercê do reconhecimento mútuo das potencialidades culturais, sociais, económicas e mesmo políticas entre si. O domínio dos petróleos e do gás situa-se entre as
áreas que impulsionaram esta relação.

É diante desse cenário que surgem três fórums fundamentais, nomeadamente as Cidades Geminadas, a WECP - Parceria de Cidades Energéticas Mundiais e a OTC -Conferência de Tecnologias em Offshore, todos eles tendo Houston como sede.

Apesar dos três fóruns concorrerem para um fim comum, ou seja, promover relações de cooperação bilateral, intercâmbio e a partilha dos respectivos potenciais socioeconómicos, o certo que cada uma visa objectivos específicos, cuja compreensão clara permitiria um melhor enquadramento das acções.

No âmbito do sector energético, para além da geminação entre Luanda e Houston, estão igualmente na forja as cidades de Cabinda e Soyo onde , nesta última, que apesar de não ser a capital da província do Zaire, está a ser implementado o importante projecto de gás, LNG.