News & Announcements

13/02/2012: Hoje é Dia Mundial da Rádio

Hoje é Dia Mundial da Rádio
 
Luanda – Comemora-se hoje (13 de Fevereiro), pela primeira vez, o Dia Mundial da Rádio, instituído pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO).
 
No dia 19 de Outubro de 2011, com base numa proposta apresentada pela Academia Espanhola de Rádio, o Conselho Executivo da UNESCO declarou oficialmente o dia 13 de Fevereiro como Dia Mundial da Rádio, data da criação, em 1946, da Rádio das Nações Unidas.
 
A efeméride tem como objectivo consciencializar o público e os meios de comunicação acerca da importância da rádio, alertar para a criação e acesso à informação, bem como melhorar a cooperação internacional entre os organismos de rádio-difusão.
 
Chamar a atenção sobre o valor único da rádio, que tem sido o maior meio para atingir uma audiência mais ampla, faz igualmente parte dos objectivos da efeméride.
 
Para a institucionalização da data, a UNESCO deu início, em Junho de 2011, a um processo de consultas dirigido aos interessados, quer dizer as associações de meios de radiodifusão, as emissoras públicas, estatais, privadas, comunitárias e internacionais, fundos e programas das Nações Unidas, bem como Delegações Permanentes e Comissões Nacionais da UNESCO para a institucionalização da data.
 
O impulsionador do projecto, a Academia Espanhola de Rádio, recebeu mais de 46 cartas de apoio de distintos interessadas, tais como: a União da Rádio-difusão dos Estados Árabes (ASBU), a União da Rádio-difusão para Ásia e Pacífico (ABU), a União de Rádio-difusão das Caraíbas (CBU), a União Europeia da Rádio-difusão (UER), a Associação Internacional da Rádio-difusão (AIR), a "North American Broadcasters Association" (NABA), a Organização de Telecomunicações Iberoamericanas (OTI), a BBC, a Universidade Internacional da Rádio e Televisão (URTI), a Rádio Vaticano e outras.
 
Segundo a UNESCO, há que considerar a rádio como um meio de comunicação de baixo custo, especialmente apropriado para chegar às comunidades longínquas e às pessoas vulneráveis, como os analfabetos, deficientes físicos, mulheres e jovens.
 
“A rádio é um meio de comunicação de massa, mais prevalente no mundo, com capacidade de atingir 95 porcento da população do planeta”.
 
Os serviços radiofónicos, diz a UNESCO, têm registado mudanças no contexto actual de convergência dos meios de comunicação e adoptam novas formas tecnológicas, como a banda larga, os telefones celulares e os quadros electrónicos. Mas, hoje em dia, cerca de mil milhões de pessoas não têm ainda acesso à rádio. 
 
Por ocasião da data, a UNESCO apela a todos os países a celebrar este dia, realizando actividades com os diversos sócios, tais como organismos e associações de rádio-difusões nacionais, regionais e internacionais, organizações não governamentais, organizações de meios de comunicações, bem como o público em geral.