News & Announcements

08/02/2012: Vice-ministra da Educação pede apoio da população no combate à venda ilegal de livros

Vice-ministra da Educação pede apoio da população no combate à venda ilegal de livros

Luanda - A população deve abdicar da compra de livros no mercado informal para desencorajar à venda ilegal de manuais escolares, por serem de distribuição gratuita, disse em Luanda, a vice-ministra da Educação Ana Paula Inglês.
De acordo com a responsável, que falava à Angop, os livros são de distribuição gratuita, devendo, por isso, a população recusar-se a dar espaço a tais práticas, sob pena de prejudicar os esforços em curso para a equitativa distribuição de manuais nas escolas do país, sobretudo do ensino primário.
Questionada sobre as acções governamentais em curso para conter tais práticas, a responsável disse que existe uma comissão multisectorial, envolvendo o Ministério do Interior, Polícia Económica, administrações municipais e outras, para que se possa dirimir este problema.
“Se de facto aparecer alguém a comercial livro, estes, devem ser recolhidos e as pessoas envolvidas responder judicialmente”, disse.
O Ministério da Educação disponibilizou 37 milhões de exemplares para o ano lectivo 2012 nos mais variados níveis de ensino. Deste total de manuais, uma média de 21 milhões de exemplares já foi canalizado para
os municípios, comunas e sedes provinciais, para a devida distribuição.
De acordo com dados oficiais, o ano lectivo 2012 conta com 6,8 milhões de alunos no sistema de ensino, da iniciação até ao ensino secundário do segundo ciclo.