News & Announcements

18/01/2018: Ministra garante reforço das políticas de integração social

Ministra garante reforço das políticas de integração social

Ondjiva - A ministra da Acção Social, Família e Promoção da Mulher, Victória da Conceição, infomou hoje, quinta-feira, em Ondjiva, o reforço das políticas de integração social da população mais vulneráveis com a implementação do programa de municipalização dos serviços sociais.

A governante teceu essas considerações no balanço de visita de dois dias ao Cunene, referindo que o programa de municipalização dos serviços sociais irá abranger este ano a província, visto que já teve lugar no Úige, Bié e Moxico.

Victória da Conceição disse que o programa visa essencialmente propiciar ao Executivo informações reais e credíveis sobre a população vulnerável existente no país, através de uma base de dados, bem como tornar esse segmento da sociedade auto-sustentável por meio de políticas de auto-rendimento.

Disse que o Governo não pode continuar a desempenhar o papel das Ong, Igrejas e outras organizações solidárias, ofertando bens alimentares, mas criar políticas acertadas que eleva qualidade de vida das pessoas mais necessitadas e de três a seis meses tirá-las desse nível social e terem rendimentos próprios.

Ressaltou que ficará no regime permanente da assistência do Governo aqueles populares identificados com deficiências física graves e doenças crónicas, que numa primeira fase continuarão a ser assistidos com bens alimentares e depois evoluir por um subsídio, assim que a situação económica do país permitir.

A par dessas acções, o Programa de Municipalização dos Serviços Socias terão órgãos de apoio a nível dos municipios que irão permitir a colectar de dados diversos da vida da população desde acesso ao registo civil, saúde e educação, referiu a governante.

Durante a sua estadia no Cunene, a ministra visitou o projecto de produção de mel no município do Cuvelai, manteve encontros com as mulheres organizadas, administradores municipais e procedeu a entrega de 153 certificados aos primeiros formados do Centro de Formação Profissional " Cristina Kandume", afecto à Direcção local da Família e Promoção da Mulher, cuja acção formativa arrancou em Novembro de 2017.

A delegação, chefiada pela ministra da Acção Social, Família e Promoção da Mulher, regressa hoje à Luanda.