News & Announcements

09/05/2016: Angola/Moçambique: Facilitação de vistos vai incrementar cooperação económica

Angola/Moçambique: Facilitação de vistos vai incrementar cooperação económica

Luanda - O acordo de facilitação de vistos nos passaportes ordinários dos cidadãos moçambicanos e angolanos, assinado em Maputo, em Fevereiro de 2016, vai incrementar a cooperação económica entre os dois países, afirmou neste domingo, em Luanda, o chefe da diplomacia angolana, Georges Rebelo Pinto Chikoti.

Segundo o ministro das relações exteriores, em declarações à Angop no aeroporto, antes da sua deslocação a Maputo (Moçambique), "com este acordo de facilitação de vistos, assinado entre os dois Estados, agora será mais fácil o processo para os empresários e os angolanos e moçambicanos que queiram viajar para ambos os países".

A respeito, o governante anunciou que "o mais importante que se notou durante a visita do estadista moçambicano a Angola é a vontade dos dois países de acelerarem a sua aproximação, sobretudo económica", enfatizou.

De acordo com Georges Chikoti, a aproximação entre os dois países foi muito discutida entre os dois estadistas, aquando da visita do Presidente Filipe Nyusi a Angola.

Durante a visita do líder moçambicano, referiu, "constatou-se que existe um grande potencial entre os empresários angolanos e moçambicanos que gostariam de ver uma maior aproximação entre os dois países, particularmente entre os sectores privados".

O ministro que cumpre uma visita oficial de três dias a Moçambique, adiantou que vai-se trabalhar ainda para explorar a cooperação na área da energia e hidrocarbonetos, visto que Moçambique descobriu recentemente petróleo no seu território e, Angola, diante da sua experiencia, esta disponível a colaborar neste domínio.

O entrevistado recordou que, em Fevereiro último, o ministro do interior, Ângelo da Veigas Tavares, esteve em Maputo, onde assinou com a parte moçambicana o acordo de facilitação de vistos, já aprovado pelo Conselho de Ministros de Angola, aguardando pelo mesmo procedimento da parte da Assembleia Nacional (Parlamento).

As partes vão ainda trabalhar no sentido de explorar a cooperação na área da energia e hidrocarbonetos, visto que Moçambique descobriu recentemente petróleo no seu território e, Angola, diante da sua experiência, esta disponível a colaborar neste domínio.

A terminar, o chefe da diplomacia angolana reafirmou que as relações bilaterais entre Angola e Moçambique são excelentes e a actual missão a Maputo visa incrementa-las.

Além do sector da política e diplomacia, Angola e Moçambique cooperam principalmente no ramo da polícia e segurança, transportes, pescas, turismo, energia e águas, agricultura e petróleos.