News & Announcements

05/02/2016: Benguela: Reinaugurada barragem hidroeléctrica do Lomaum

Benguela: Reinaugurada barragem hidroeléctrica do Lomaum

Cubal - A barragem hidroeléctrica do Lomaum, no município do Cubal, foi reinaugurada nesta, quinta-feira, em acto presidido pelo governador provincial de Benguela, Isaac dos Anjos.

A cerimónia de reinauguração do empreendimento, com capacidade instalada de 50 megawatts, que serão fornecidos, às quatro cidades do litoral da província, insere-se nas comemorações do 55º aniversário do 4 de Fevereiro, data do início da luta armada contra o colonialismo português, hoje assinalado.

Segundo apurou a Angop, inicialmente a potência instalada é de 50 megawatts provenientes das turbinas do tipo Francis Vertical, sendo dois grupos geradores de 15 (MW) e dois de 10 (MW), mas o volume pode chegar a 65 MW quando for instalado outro grupo gerador de 15 megawatts.

Para que o fornecimento de energia possa chegar aos mais de 92 mil consumidores das cidades de Benguela, Lobito, Catumbela e Baía Farta, foram concluídas obras no sistema de transmissão, com a implantação da linha dupla de 220 kilovolts de tensão como Lomaum/Biópio, numa extensão de 89.4 quilómetros, e Biópio/Benguela Sul (57 kms), ligada às subestações do Biópio e de Benguela Sul.

Com a reinauguração da barragem do Lomaum, a província de Benguela vê agora ampliada a sua capacidade de produção, passando dos 90 megawatts para 140 megawatts, visando a melhoria e aumento da oferta de energia eléctrica para atender a demanda gerada pelo crescimento da população e do parque industrial na zona do litoral.

Assim, a entrada em funcionamento do maior aproveitamento hidroeléctrico construído em 1959 na província de Benguela vai garantir a redução substancial das restrições no fornecimento de energia a que os consumidores estavam sujeitos nos municípios da faixa costeira.

Depois de 31 anos de paralisação, a barragem do Lomaum começou a funcionar em regime experimental em Junho de 2015, correspondendo aos anseios dos clientes da Empresa Nacional de Distribuição de Electricidade (ENDE) e dos empreendedores dos sectores industriais e habitacionais em expansão.

Com uma altura de 20 metros e 250 de comprimento, a barragem do Lomaum, situada no rio Catumbela, a aproximadamente 200 quilómetros a Sudeste da cidade de Benguela (sede capital da província), paralisou sua actividade em 1984 como consequência do conflito armado, que destruiu grande parte das suas infra-estruturas.

Entretanto, em 2009 arrancou o programa de reabilitação, ampliação e modernização do Lomaum, numa empreitada a cargo da construtora GHCB Angola S.A., no âmbito de uma parceria público-privada com a empresa Kanazuro Electric S.A., que deve explorar a infra-estrutura produtora de energia eléctrica por 20 anos.

A barragem de Lomaum dispõe de um caudal máximo de 32,8 metros cúbicos. Conta com uma queda bruta máxima de 189,1 metros e mínima de 167,5 metro.