News & Announcements

01/11/2015: Faculdade de medicina da Universidade Lueji A'Nkonde distinguida com medalha de ouro em Nuremberga

Faculdade de medicina da Universidade Lueji A'Nkonde distinguida com medalha de ouro em Nuremberga

Nuremberga - (Do enviado especial) - O projecto da Faculdade de Medicina da Universidade Lueji A'Nkonde, "A estratégia de protecção de mordeduras de serpentes" venceu em Neremberga - Alemanha, uma medalha de ouro na categoria instituições de ensino superior.

O referido trabalho, que foi apresentado pela coordenadora de projectos da Faculdade de Medicina da Universidade Lueji A'Nkonde, Paula Oliveira, na 67ª edição da feira de IENA 2015, foi baseado numa expedição de três mil 500 quilómetros realizada nas províncias do Cuanza Sul, Benguela, Huíla e Malanje, com uma acção em municípios e comunas mais afectadas por mordeduras de serpentes.

com este projecto, que nos próximos tempos cobrirá o país, pretende-se distribuir informação e trabalhar com a população rural no sentido de se protegerem mais contra estes animais, bem como outras medidas preventivas nas zonas habitacionais onde estes répteis podem aparecer por ter condições alimentares.

Por outro lado, desaconselha-se a estas populações os tratamentos não convencionais e ou o uso de garrotes para evitar da alastramento do veneno, entre outras formas de tratamentos desaconselhados que os técnicos transmitem, tendo em conta a estratégia acima citada.

Foi igualmente agraciado com uma medalha de ouro, cravada com uma pedra de diamante,  o inventor António Manuel Kawele com o seu projecto de reciclagem denominado do "De lixo ao luxo", onde com restos de materiais recolhidos do lixo transforma em obras de arte como pastas, chinelas, colares, pulseiras, entre outros artigos.

Medalhas de prata foram atribuídas ao inventor António Manuel Kawela com o projecto acima citado pela Federação Internacional das Associações dos Inventores (IFIA) e a Universidade Agostinho Neto (UAN) com o jogo Palanquinha, um jogo que para além do divertimento ilustra os pontos históricos e turísticos de Angola.

O inventor Inácio Augusto Simão conquistou duas medalhas de bronze com os projectos  "Bicicleta Multifuncional", "dispositivo multifuncional para deficientes físicos, visuais e doentes", o inventor Ricardo Antunes Figueiredo com o projecto  "o aparelho para evitar derrame de petróleo nos oceanos" e a UAN com o projecto "Sistema Integrado de Emergências Médicas de Angola (SIEMA)", também receberam medalha de bronze.

Na ocasião o ministério da ciência e tecnologia galardoou dois projectos na categoria juvenis com galardão de cristal "ciência e tecnologia", um sistema inovador para lavagem das mãos e outro de saúde pública e na categoria de adultos foi galardoado com uma estátua do pescador, um sistema de produção de energia eléctrica utilizando teorias cinéticas.

A delegação angolana, nesta edição 67ª da Feira de Ideias, Inovação e Novos Produtos (IENA) 2015, a decorrer de 29 de Outubro a um de Novembro deste ano, se faz representar com 10 inventores e 19 projectos, nomeadamente, "o aparelho para evitar derrame de petróleo nos oceanos", "Vortex One", "Bicicleta Multifuncional", "dispositivo multifuncional para deficientes físicos, visuais e doentes", "De lixo ao luxo", "Veículo Nahary" e "Sistema Integrado de Emergências Médicas de Angola (SIEMA)".

Constam também deste leque "avaliação anónima dos exames",  "palanquinha", "Carpooling", "Sistema de informação de eventos", "SPA-Pro", "Sistema Integrado de Regulação do Trânsito de Angola (SIRETA)", "ISUTIC do futuro", "Anti Mata-Aula", "Estratégia para a prevenção das mordeduras de serpentes em Angola", "Projecto sobre estudo de Venenos e Envenenamentos de Serpentes de Angola", "Vigicimetox" e "Drogisoft Software".