News & Announcements

13/03/2014: Angola e Zâmbia pretendem assinar acordos transfronteiriços

Angola e Zâmbia pretendem assinar acordos transfronteiriços

Luanda - As Repúblicas de Angola e da Zâmbia estão a preparar a assinatura de acordos transfronteiriços nos domínios rodoviário, ferroviário e fluvial, revelou em Luanda, o ministro angolano dos Transportes, Augusto da Silva Tomás.

Segundo o governante, que falava à Angop no Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, esses acordos são extremamente importantes, numa altura em que se está na recta final da recuperação do Caminho-de-Ferro de Benguela, dinamizando-se assim o corredor do Lobito."O funcionamento em pleno do comboio, no corredor do Lobito, vai permitir um maior escoamento de bens e mercadorias zambianas, apoiando sobretudo o sector mineiro na via do Porto do Lobito, já que a Zâmbia é um país sem saída para o mar", advogou.

Numa segunda fase, considerou o ministro, será possível dinamizar-se a coesão social, territorial e económica da região.

"Vão ser criados mais postos de trabalho, riqueza e melhoria da qualidade de vida das populações dos dois países", sublinhou.

Destacou que foi já assinado um memorando de entendimento, para a abertura de um canal fluvial comum, concretamente entre a zona do Rivungo (Cuando Cubango) e a Zâmbia, para permitir maior navegabilidade naquela região.

De igual modo, realçou, foi também actualizado o acordo no domínio aéreo, que vai permitir a operação de voos da companhia zambiana em Angola, uma vez que a TAAG, transportadora angolana de bandeira, já opera na rota Luanda/Lusaka/Luanda.

Augusto da Silva Tomás e o ministro zambiano dos Transportes, Yanfwa Munkana, deslocaram-se na manhã de hoje à província de Benguela, numa visita de trabalho de algumas horas.